Decidi que já estava na hora de falar um pouco mais sobre mim, então esse post será apenas um desabafo e a minha opinião. Quem me acompanha no Instagram ou no facebook, já deve ter percebido que sou muito magra, antes eu escondia isso, sempre cortava as pernas nas fotos, escondia meus pulsos, preferia tirar foto com blusas de manga, foto de biquini? Nem pensar!
Já cheguei até a editar fotos no photoshop para ter as pernas mais grossas, porém nunca fui boa nisso e elas ficaram muito artificiais e nunca chegaram a ser publicadas. Já malhei, tomei suplementos, remédios para engordar, remédios para abrir o apetite, já tentei de tudo, mas a minha genética é essa e eu sempre serei magra. 


Eu sei que uma pessoa "gordinha" daria tudo para ter o meu corpo, muitas pessoas quando me viam reclamando do corpo diziam isso, foi aí que eu parei pra pensar, a pessoa pode ser magra, gorda, loira, morena, ruiva, baixa, alta, ter cabelos lisos, cacheados, crespos, ter olhos, azuis, verdes, castanhos, mas ela sempre estará insatisfeita com alguma coisa. A verdade é que sempre vai existir um defeito, alguma parte do corpo precisando ser mudada, a menos que você se aceite como é! Aceite cada defeitinho e comece a se ver linda. Isso não é fácil, mas a partir do momento que você consegue é libertador. 
Porém pouquíssimas conseguem, por isso que existe tantas pessoas maldosas principalmente na internet criticando umas as outras. Pessoas que não conseguem se aceitar, não gostam que as outras se aceitem também. Por exemplo, quando alguém é gordo, se assume e posta fotos exibindo o corpo, as pessoas logo pensam que ela come muito, porém podemos engordar por vários outros motivos, como o uso de alguns medicamentos. Agora se uma pessoa é magra, se assume e posta fotos, todos logo pensam que ela tem anorexia, bulimia ou algum outro distúrbio alimentar, mas pessoas podem emagrecer simplesmente por ter um metabolismo acelerado, ou por genética mesmo. Que é meu caso. 
Outra coisa que acontece muito é quando pessoas magras "famosas" decidem exibir o corpo nas redes sociais, são acusadas de promover a anorexia, sendo que a única intenção delas é fazer as magras se aceitarem. Porém quando uma gordinha "famosa" se expõe, todos aplaudem, e vêem aquilo como motivação. 


Eu costumo dizer que pessoas que fazem esses julgamentos desnecessários sem conhecer a história da outra, não são nada mais, nada menos do que ignorantes, não merecem que percamos nosso tempo rebatendo comentários ofensivos em redes sociais, eu tenho muita pena desse tipo de pessoa, que se sente melhor criticando os outros, porque agora eu sei que ela não passa de uma pessoa mal resolvida, insatisfeita com o próprio corpo com medo de assumir os seus próprios defeitos e ver beleza neles, por isso sentem tanta raiva e inveja das que conseguem.
O que eu quero dizer a vocês, é que a partir do momento que você está saudável, não importa a sua aparência, você é linda, não se abale por comentários de pessoas ignorantes, seja você mesmo independente do que as outras pessoas vão pensar. 


Eu sou bem baixinha, tenho 1,55 de altura, por isso tenho diversos apelidos que deveriam ser maldosos, mas eu levo todos na brincadeira e vejo um lado bom neles, devido a isso as pessoas que antes adoravam me apelidar hoje não veem mais graça nisso. Eu também sou bem magra, peso 43 kg, por isso sempre escuto coisas do tipo, "cuidado está ventando, se segura pra não voar" ou "meu Deus você tem anorexia" e eu sempre respondo com um " Sou feliz assim, minha saúde é ótima e agradeço pela preocupação com minha vida, mas eu mesma consigo cuidar disso sozinha." Essa resposta pode parecer um pouco grossa, mas as vezes as pessoas precisam ouvir a verdade na lata, pra se tocarem. Tenho 18 anos, mas por ser pequenininha e baixinha já chegaram a dizer que pareço ter até 12, já cheguei a me ofender com isso e ficar super mal, mas hoje vejo isso como uma coisa muito boa, imagina quando eu tiver 30, vou parecer uma adolescente! 

Me referi principalmente à mulheres, pois somos as maiores vítimas do machismo e da mídia que tenta ditar a regra de que temos que ter corpos esculturais que não são reais. Porém esse texto também se aplica a alguns homens que passam pelo mesmo.
Mas o que eu queria passar hoje é que:
TODAS SOMOS LINDAS DA MANEIRA QUE SOMOS, BASTA ACEITARMOS E VERMOS BELEZA ONDE SÓ HAVIA DEFEITO. 
Espero que tenham gostado e que de alguma forma esse texto tenha afetado positivamente a forma com que cada uma se olha no espelho, alguém se identificou ? Adoraria conhecer a história de vocês, me contem nos comentários. Beijos até a próxima lindezas! 


5 Comentários

  1. tenho 17 anos e sempre fui magra,tive muita dificuldade para conviver com meu corpo,confesso que até tinha inveja de algumas meninas que tem mais corpo,principalmente por viver em uma cidade cheia de preconceito,mas percebi que não vale a pena se importar com essas pessoas pq quem realmente importa gosta do jeito como nós somos e que um corpo é só isso,um corpo,não há nada de errado em ser magra

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que tenha conseguido perceber isso Lais, acetação é tudo! Ser muito magra é lindo sim! Não deixe que digam o contrário. Beijos ;*

      Excluir
  2. Olá, eu amei sua história!
    Eu tenho 1,68 de altura e peso 49kg, e desde criança sempre ouvia a mesma coisa: vc precisa engordar um pouco, vai pegar anemia...affffff.
    Hoje tenho 24anos e sou mãe de um menino de 7 e mantenho esse peso desde os meus 15anos e me orgulho de mim. Sou feliz assim. Eu me amo!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, fico feliz que tenha gostado. Também amei a sua, as pessoas tem essa mania de julgar nossa saúde como se fossem especialistas, as vezes até nos fazem pensar que realmente tem alguma coisa de errado. Muito bom saber que você não se deixou abalar por isso e está feliz sendo assim. Amor próprio é tudo!

      Excluir
  3. Olá, eu amei sua história!
    Eu tenho 1,68 de altura e peso 49kg, e desde criança sempre ouvia a mesma coisa: vc precisa engordar um pouco, vai pegar anemia...affffff.
    Hoje tenho 24anos e sou mãe de um menino de 7 e mantenho esse peso desde os meus 15anos e me orgulho de mim. Sou feliz assim. Eu me amo!!!

    ResponderExcluir